Um poema de Hélder Ramos

O Hélder Ramos comentou o “caderno de poesia” com este belo poema.

Não resisti a colocá-lo em lugar de maior destaque.

Obrigado amigo, em meu nome e de todos os visitantes destas “Infantilidades”.

.

AS CRIANÇAS

Sabem mais do que é infindo
E não se perde na noite do sono

Saltam vivas como nuvens que correm
No céu dos sonhos que crescem
Alegres e livres enfim

Nos dias que não trazem medos

E agarram os sóis a duas mãos
Que guardam como segredos

Imagem colhida em http://vitrinedabene.blogspot.com


Poderás também gostar de ler estas Infantilidades:

ou ir para oinício.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: